DF lidera em denúncias de violência contra crianças, diz secretaria

No ano passado, foram 3.776 registros, 104% mais do que no ano anterior.
Ceilândia é região administrativa que teve o maior percentual de denúncias.

Distrito Federal foi a unidade da federação com o maior número de denúncias de casos de violência contra crianças e adolescentes em 2012, segundo levantamento feito pela Secretaria de Direitos Humanos (SDH). O ranking considera o número de denúncias por habitantes. Os casos mais comuns computados envolvem negligência, violências psicológica, física e sexual.

saiba mais

De janeiro a dezembro de 2012, foram 3.776 denúncias do DF registradas no Disque Direitos Humanos, um aumento de 104% em relação ao mesmo período do ano anterior (1.850). O índice representa 5,1 denúncias para cada grupo de 10 milhões de pessoas.

Em segundo lugar no ranking aparece o Rio Grande do Norte (4.441 casos, o equivalente a 4,5 denúncias por grupo de 10 milhões de pessoas), seguido do Rio de Janeiro (15.479 casos ou 3,7 denúncias por 10 milhões de pessoas).

No DF, Ceilândia é a região administrativa que teve o maior percentual de denúncias de violência registradas em 2012: 22,3% do total, seguida por Recanto das Emas (7,3%), Taguatinga Norte (6,9%) e Planaltina I (5,7%). A região com menor índice de violência foi o Lago Sul, com 0,2% de denúncias registradas.

A pesquisa revela também que jovens e crianças do sexo feminino são as maiores vítimas de violência (57%), e as faixas etárias com mais casos são entre 8 e 14 anos (47%) e entre 4 e 7 anos (20,1%).

Segundo o levantamento, os tipos de violência com maior incidência são negligência, violências psicológica, física e sexual e exploração do trabalho infantil.

 

Fonte: G1.com

Compartilhe

Copyright © Guia de Ceilândia - O Guia comercial de Ceilândia