Nº de mortes por atropelamento na faixa de pedestres dobra no DF

Foram oito ocorrências em 2012, contra quatro em 2011, segundo Detran.
Órgão diz que não foram registradas mortes nos últimos seis meses.

 

O número de mortes por atropelamento na faixa de pedestres dobrou no Distrito Federal no ano passado em relação ao ano anteriores, segundo dados do Detran. Foram contabilizadas oito ocorrências em 2012, contra quatro em 2011.

É o terceiro maior registro dos últimos 16 anos, quando começou a campanha, afirmou o departamento.

Nos últimos seis meses, também de acordo com a autarquia, nenhuma morte foi registrada. O Detran disse que 80% dos motoristas do DF respeita o sinal de vida. A multa por não parar na faixa de pedestre poder chegar a R$ 191, com perda de sete pontos na carteira de habilitação.

Compartilhe

Copyright © Guia de Ceilândia - O Guia comercial de Ceilândia