Polícia do DF investiga suposto caso de garota estuprada por sete homens

Menina de 16 anos disse à polícia que foi violentada no último domingo (12).
Suposta vítima mudou depoimento depois de saber do laudo do IML.

 Do G1 DF

A Polícia Civil do Distrito Federal está investigando um possível caso de estupro a uma garota de 16 anos. A suposta vítima disse à polícia que foi violentada por sete homens no último domingo (12), no Condomínio Sol Nascente, em Ceilândia.

No primeiro depoimento, a jovem afirmou que foi abordada por dois homens que estavam em um carro, quando saía da igreja. De forma violenta, eles a colocaram dentro do veículo e a levaram para uma casa onde estavam mais cinco homens. De acordo com a suposta vítima, ela foi amarrada e amordaçada antes de ser violentada.

Na tarde dessa terça (14) a jovem foi até a 19ª DP, em Ceilândia, e mudou a versão, depois de saber que os exames no Instituto Médico Legal (IML) não apontaram as lesões relatadas pela suposta vítima.  Em novo depoimento, a menor contou ao delegado Alberto Passos que conhecia parte dos envolvidos no estupro.

“Ela diz que no último dia 28 saiu com três dos sete rapazes e que manteve relação sexual com os três. E que no ultimo domingo teria ido até a casa onde o estupro aconteceu, de forma consensual”.

A polícia investiga agora se ao chegar à casa a jovem foi obrigada a manter relações sexuais com os sete rapazes, ou se prestou um falso depoimento. “É comum adolescentes registrarem falsos boletins de ocorrência porque acham que não vão ser investigados, uma prática que atrapalha o trabalho da polícia. Nesse caso, um dos suspeitos foi identificado e prestará depoimento amanhã”, afirma Passos.

Compartilhe

Copyright © Guia de Ceilândia - O Guia comercial de Ceilândia